O amor está no ar!

O mês mais romântico do ano chegou e para celebrar a data com um sorriso ainda maior no rosto, vale dizer que quem ama mais também tem dentes mais saudáveis! É o que aponta a pesquisa realizada pela Universidade de Queensland (UQ), na Austrália, ao examinar as possíveis associações entre uma vida amorosa feliz e saúde bucal.

O estudo aponta que aqueles com a vida amorosa mais ativa costumam ir mais vezes ao dentista e possuem mais confiança, enquanto os que se distanciam das relações amorosas fazem menos visitas ao especialista.

Mas mesmo com a boa notícia, é importante se atentar aos riscos da falta de higienização, até porque, amar também é se cuidar. Por mais cumplicidade que haja em um relacionamento, é importante enfatizar cuidados como o uso particular da escova de dente, já que seu compartilhamento pode aumentar as chances de compartilhamento de vírus e bactérias. A própria troca de saliva, decorrente do beijo, pode transmitir desde doenças mais simples até a sífilis, que recentemente tem crescido em números de casos no Brasil. Muitas vezes transmitida pelo sexo, a Sífilis também permite contágio via oral e pode ser confundida com herpes e afta. Caso possua qualquer sintoma relacionado, procure um especialista para diagnóstico.

Outro vilão do beijo romântico é o mau hálito. Neste caso, o correto é investir numa boa dieta alimentar, beber bastante líquido durante o dia e praticar a higiene bucal de forma adequada, fazendo no mínimo 3 escovações ao dia e uso diário do fio dental. Caso você vá encontrar seu parceiro e não tenha todos os utensílios para a manutenção da sua higiene, procure comer uma fruta ou fazer um lanche leve para evitar o mau cheiro causado pelos jejuns prolongados.

Sempre há um jeitinho quando se trata de amor e o importante é investir em carinho e cuidado para fazer o parceiro ou a parceira sorrir =) !  


Chat Odontoprev